Melhores Cavaquinhos

Os melhores cavaquinhos, originalmente chamados de cavacos, são instrumentos muito populares na música popular brasileira e possuem uma sonoridade bastante vibrante.

Uma coisa interessante a se saber é que juntamente com a flauta e o violão, esse é um instrumento típico do choro.

Inclusive, até hoje ele é bastante utilizado em ritmos populares, como o samba e o pagode. Mas para ter bons resultados e uma ótima sonoridade, você deve saber como escolher um dos melhores cavaquinhos que existem atualmente.

Mesmo que esses sejam instrumentos relativamente simples, ainda assim é importante observar as suas diferentes características para fazer a escolha certa conforme as suas necessidades.

Sendo assim, neste artigo falaremos sobre essas questões fundamentais e também apresentaremos uma lista com os melhores cavaquinhos.

Melhores Cavaquinhos de 2024

Rozini RC02ACN Clássico 2G 2015Rozini RC02ACN Clássico 2G 2015Melhor CavaquinhoProduto Indisponível
Giannini Gonçalo Alves CS1 Goal EQ NSGiannini Gonçalo Alves CS1 Goal EQ NSCavaquinho de Alto DesempenhoR$ 869,46 na Amazon
Malibu CTMM-EMalibu CTMM-E MahoganyCavaquinho de Alta QualidadeProduto Indisponível
Srinberg CS-25E MGSStrinberg CS-25E MGS ElétricoMelhor Cavaquinho Custo-BenefícioR$ 569,90 na Amazon
Hofma By Eagle HCV30PHofma By Eagle HCV30PMelhor Cavaquinho com Preço AcessívelProduto Indisponível
Vogga VCC506 AC YSVogga VCC506 AC YSCavaquinho Bom e BaratoR$ 371,49 na Amazon

Entenda como os cavaquinhos são montados

Antes de comprar um dos melhores cavaquinhos do ano, é importante conhecer cada uma das partes que compõem a sua estrutura, sobretudo para saber como escolher o produto certo.

São doze as partes que compõem os cavaquinhos. Veja a seguir quais são elas:

  • Corpo: essa é a maior parte do instrumento, que se assemelha bastante ao número oito e funciona como caixa acústica. Sendo assim, é nessa região que o som é amplificado para depois sair pela boca;
  • Boca: parte arredondada do instrumento musical, por onde o som é emitido;
  • Mosaico: é a região em torno da boca, que reforça a região e ainda contribui com a decoração do instrumento musical;
  • Cavalete: é a peça que se localiza na região do tampo, na qual as cordas ficam presas;
  • Rastilho: é a região que permite o ajuste da altura e da tensão das cordas;
  • Tampo: é a região mais frontal do instrumento, que influencia diretamente nas características sonoras, incluindo volume, ataque e timbre;
  • Pestana: fica em posição oposta ao rastilho. O distanciamento entre os dois elementos confere a afinação e equilíbrio do instrumento musical;
  • Braço: região na qual os acordes e notas do instrumento musical são digitados;
  • Cabeça ou mão: região onde se localizam as tarraxas que ajudam na afinação do instrumento;
  • Tarraxas: pequenas peças que ajudam a controlar a tensão das cordas, permitindo assim a afinação dos cavaquinhos;
  • Casas: são os espaços que se localizam entre os trastes no braço dos cavaquinhos, nos quais é possível formar os acordes conforme se pressionam as cordas.
  • Trastes: essas barras metálicas fininhas são dispostas ao longo de toda a escala e são separadas pelas casas. São fundamentais para a afinação e sonoridade;
  • Escala: placa de madeira que se localiza no braço do cavaquinho.

Como você pode perceber, são muitas as partes que compõem os cavaquinhos, e cada uma delas é essencial para garantir a boa sonoridade e afinação do instrumento musical.

Sendo assim, é essencial escolher um produto de qualidade, que tenha componentes bons, e ainda cuidar muito bem de cada uma dessas partes.

Melhores Cavaquinhos

Como escolher o melhor cavaquinho?

A escolha de um instrumento musical nunca é tão simples, uma vez que é fundamental ter atenção a uma série de questões que refletem na sonoridade e qualidade.

Para te ajudar a investir no produto certo, falaremos aqui sobre todas essas questões nos tópicos que virão a seguir. Acompanhe!

Acústico, Elétrico ou Eletroacústico?

Antes de qualquer outra coisa, você deve se preocupar em escolher um tipo de amplificação sonora dos melhores cavaquinhos.

Os modelos acústicos são mais simples e se ajustam bem às pessoas que estão começando a aprender um pouco sobre o instrumento.

Mais baratos, esses são ideais para quem quer economizar e para aqueles que buscam por um item que seja ideal para tocar por aí como hobby.

Por outro lado, os instrumentos musicais elétricos são os mais indicados para quem busca um produto mais profissional, para se utilizar em shows ou apresentações em geral, onde é necessário que o som seja mais alto.

No entanto, nesse tipo só dá para tocar se o instrumento estiver ligado em amplificadores, visto que nem o corpo e nem a boca são adequados para isso.

Há ainda o cavaco eletroacústico, que pode ser utilizado das duas maneiras, conforme as suas necessidades.

Para isso, ele tem o corpo semelhante a um cavaquinho acústico, mas conta com equalizador e entrada para plug de amplificação. Dessa forma, esse é o mais versátil.

Material dos melhores cavaquinhos

Na fabricação dos melhores cavaquinhos podem ser utilizados diversos tipos de madeira e escolher um que seja de qualidade é fundamental para a aquisição do instrumento musical certo.

Dependendo do tipo de madeira, o timbre do instrumento musical muda, podendo parecer mais grave, agudo, encorpado ou suave, por exemplo. Então, veja a seguir quais são os materiais usados com maior frequência:

  • Mogno: esse é um dos materiais mais comuns em violões, sendo de alta qualidade e reproduzindo sempre sons graves e médios de qualidade;
  • Cedro: esse é um tipo de madeira que possui ótima durabilidade e faz com que o som fique mais quente e aberto. Além disso, os graves ficam mais potentes, enquanto os agudos tornam-se mais brilhantes nesse caso;
  • Rosewood ou jacarandá: essa é uma madeira bastante comum nas escalas. Emite um som mais encorpado, de modo que ele se destaca bastante;
  • Okoume: é um material que deixa o instrumento mais barato, sem que haja perda significativa de qualidade. Por isso, é uma boa opção para quem preza por custo-benefício. No entanto, o som é mais pesado nesse caso;
  • Linden: é um material bastante utilizado em instrumentos musicais de origem nacional, conhecido por proporcionar bom equilíbrio sonoro. Ademais, quando presente no corpo, torna o cavaquinho mais leve;
  • Maple: essa é uma madeira que deixa o som mais brilhante, tornando os acordes mais alegres e vibrantes, sobretudo quando é utilizada no corpo ou no campo;
  • Technical wood: é um material produzido a partir de madeiras tropicais. Essas fibras são mais leves e entregam uma sonoridade menos encorpada. Em relação ao preço, ele costuma ser bem menor em relação a outros materiais.

Obviamente, existem outros tipos de madeiras que são menos conhecidas. O mais importante é conhecer o material e dar preferência aos produtos de madeira natural se você preza por uma boa sonoridade.

E para quem prefere economizar, é possível encontrar alguns dos melhores cavaquinhos de compensado, mas que funcionam bem.

Atente-se ao Acabamento do Cavaquinho

O acabamento dos instrumentos musicais é algo que passa muitas vezes despercebido, mas que faz total diferença na estética e na sonoridade.

Esse é sem dúvidas um dos maiores detalhes a se observar. O mais importante é decidir entre os modelos com acabamento fosco ou brilhante.

Também existem alguns modelos que possuem desenhos diferenciados e cores que dão um maior destaque e levam mais personalidade aos instrumentos musicais.

Se você gosta de modelos mais clássicos, o recomendado é optar por um dos melhores cavaquinhos com acabamento fosco.

Por outro lado, os modelos brilhantes contam com uma camada extra de verniz, que deixa o cavaco com uma aparência mais moderna, além de proteger ele melhor contra arranhões e impactos.

Acessórios

Alguns entre os melhores cavaquinhos já vêm acompanhados de alguns itens adicionais, como é o caso da bolsa de transporte, por exemplo.

Outros vêm ainda com acessórios mais específicos, como bateria para equalizador, palhetas, entre outros itens.

Então, fique de olho nisso e verifique se vale ou não a pena adquirir instrumentos que venham com acessórios úteis, pois assim você economiza e ainda tem mais praticidade.

Quais são os Melhores Cavaquinhos?

Para escolher um dos melhores cavaquinhos, você deve ter bastante atenção aos principais fatores de comparação entre os modelos.

Depois de especificarmos isso, chegou a hora de você fazer a sua escolha. E para te ajudar, elaboramos uma lista com os melhores cavaquinhos de 2024. Então, veja a seguir quais são eles.

1. Rozini RC02ACN Clássico 2G 2015

Melhor Cavaquinho

CAVACO ROZINI RC02ACN CLÁSSICO ACÚSTICO MADEIRA ESCURA 2G 2015

  • Acústico
  • Material: Braço: cedro, escala/ cavalete de jacarandá, laterais/ fundo de jacarandá (laminado), tampo de pinho sueco (maciço), traste de alpaca (fino).
  • Tarraxas: douradas com botões em madrepérola
  • Cordas: aço (J93 ‘Addario)
  • Pintura: verniz brilhante
  • Dimensões: comprimento total do cavaco: 60,5 cm, espessura da caixa: 6,5 cm e largura do braço no 1° Traste: 3 cm

O Cavaco Rozini é um modelo acústico com tantas qualidades que é um modelo muito indicado para músicos profissionais e para todos que adoram curtir uma roda de samba ou outros ritmos.

Apesar de ser um dos melhores cavaquinhos que você encontra atualmente, este é um produto com preço acessível.

Ainda assim, tanto o acabamento quanto a qualidade são muito bons. As madeiras usadas são de qualidade, sendo o braço de cedro e o cavalete de Jacarandá.

Isso torna a tocabilidade muito boa e ainda ajuda no brilho dos sons do instrumento musical.

Como o cavaco já vem com as cordas J93 D Addario, ele está sempre preparado para tocar e fazer som.

2. Giannini Gonçalo Alves CS1 Goal EQ NS

Cavaquinho de Alto Desempenho

Cavaquinho Giannini Gonçalo Alves Eletroacústico CS1 Goal EQ NS

  • Eletroacústico
  • Cor: natural fosco
  • Material: tampo de marupá maciço, faixa e fundo Gonçalo Alves laminado, braço de cedro e escala de pau-ferro
  • Acabamento: Acetinado (fosco)

O Giannini CS1 Goal NS é um dos melhores cavaquinhos que existem hoje, destacando-se tanto pelo visual quanto pelo custo-benefício.

Para um maior conforto no manuseio e uma sonoridade de qualidade, este cavaco é produzido com tampo de Marupá Maciço, material que proporciona um bom equilíbrio sonoro.

Além disso, neste modelo as tarraxas permitem a perfeita afinação, enquanto os trastes garantem que as notas sejam tocadas de maneira altamente eficiente.

3. Malibu CTMM-E Mahogany

Cavaquinho de Alta Qualidade

Cavaco Malibu Elétrico CTMM-E Mahogany Fosco Com Afinador

  • Elétrico
  • Cor: natural
  • Com Afinador
  • Material: corpo e tampo de mogno, escala Technical Wood e braço Okoume
  • Acabamento fosco

O cavaquinho elétrico CTMM-E da Malibu é um dos melhores modelos que você pode encontrar, pois ele conta com materiais de qualidade, que levam a um bom equilíbrio sonoro, resistência e durabilidade.

Mesmo sendo um modelo elétrico, ele possui o corpo e a boca semelhantes ao de um cavaquinho acústico, que te permite tocar sem amplificação.

No que diz respeito ao acabamento, este é um modelo muito bonito, com acabamento fosco que o deixa muito elegante e sofisticado.

4. Srinberg CS-25E MGS

Melhor Cavaquinho Custo-Benefício

CAVACO STRINBERG CS-25E MGS ELETRICO

  • Cor: natural
  • Elétrico
  • Com afinador
  • Material: tampo, fundo e lateral em sapele, escala em Technical Wood

O Cavaco CS25E MGS da Strinberg é um dos melhores modelos que existem atualmente, destacando-se pela sonoridade e acabamento.

Feito com madeiras de alta qualidade, este é um modelo resistente. O tampo e a lateral são de Sapele, enquanto que a escala é produzida em Technical Wood que torna o instrumento confortável e com boa sonoridade.

A cor natural deixa este produto com um ar elegante e clássico. E o afinador embutido deixa o uso mais prático, pois facilmente você pode deixar o som do instrumento musical perfeito.

5. Hofma By Eagle HCV30P

Melhor Cavaquinho com Preço Acessível

Cavaco Elétrico HCV30P Natural Fosco Hofma By Eagle

  • Elétrico
  • Com afinador
  • Material: tampo em Spruce e lateral em Mogno e escala Rosewood (Jacarandá)
  • tarraxas prateadas
  • 18 trastes
  • Captação Piezo (rastilho)

Se você não deseja investir tanto dinheiro na compra de um dos melhores cavaquinhos, não se preocupe.

A Hofma conta com diversos instrumentos musicais, que possuem alta qualidade, o que se deve principalmente aos materiais usados.

Diante das características deste instrumento musical, você terá ótimos resultados, destacando-se em rodas de samba com o timbre e sonoridade.

Assim, este é um produto muito desejado por estudantes e professores que desejam ter um instrumento musical eficiente e não tão complexo.

Mas ele é tão eficiente que serve para músicos profissionais que desejam deixar as suas apresentações melhores.

6. Vogga VCC506 AC YS

Cavaquinho Bom e Barato

CAVACO VOGGA VCC506 AC YS

  • Acústico
  • Cor: SunBurst
  • Material: tampo, laterais e fundo em Linden, escala e cavalete (parafusado) em Dark Maple, filetes em ABS
  • Tarraxas cromadas
  • Largura da pestana de 3 cm

Este é mais um dos melhores cavaquinhos que você pode comprar sem precisar investir muito.

Apesar de ter características muito boas, este modelo tem preço inferior a muitos produtos que existem hoje no mercado.

A forma como ele é construído proporciona um timbre balanceado, além de deixar a tocabilidade bem confortável.

Independentemente do seu estilo e do seu nível de conhecimento em música, este pode ser o instrumento ideal.

Em relação ao design, o tampo de duas cores deixa o produto ainda mais atrativo. E a qualidade sonora também é um ponto forte aqui.

Conclusão

Antes de pensar em adquirir um instrumento musical, é fundamental ficar de olho nas principais características dele e comparar os modelos com calma.

Após verificar todas essas informações aqui neste artigo, ficou mais fácil escolher um entre os melhores cavaquinhos, não é mesmo?

Então agora é só realizar a compra e começar a aproveitar a maravilhosa sonoridade e versatilidade desse que é um dos instrumentos mais legais que existem.

Deixe um comentário